Moraes libera processo sobre descriminalização da maconha no STF

Total
1
Shares

O ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal), liberou nesta 6ª feira (23.nov.2018) o processo que trata sobre a descriminalização do uso pessoal maconha.

O julgamento estava suspenso desde setembro de 2015, quando o então ministro Teori Zavascki pediu vista para analisar melhor o caso. Teori morreu em janeiro de 2017 em 1 acidente aéreo. Moraes assumiu a vaga dele e ficou com o processo.

A data do julgamento dependerá do presidente do tribunal, ministro Dias Toffoli. A pauta do plenário do Supremo até o fim de 2018 já está definida. O tema deve ser julgado a partir de 2019.

Na decisão, Moraes também pediu dados à Polícia de São Paulo e à ABJ (Associação Brasileira de Jurimetria) para fundamentar o seu voto no processo.

 

 

Quando foi discutido no Plenário, 3 dos 11 ministros votaram pela liberação do porte de maconha para uso pessoal: Gilmar Mendes, Edson Fachin e Luís Roberto Barroso.

Os ministros se posicionaram ainda a favor da descriminalização de outros tipo de droga. Eles declararam inconstitucional o artigo 28 da Lei de Drogas, que considera criminoso quem adquire, guarda, transporta ou leva consigo drogas para consumo pessoal.

Caso a pauta volte ao Plenário, 8 ministros ainda devem votar.

DISCUSSÃO NO CONGRESSO

No Senado, tramita um projeto que libera o cultivo da planta Cannabis sativa, a maconha, para uso medicinal no Brasil. O PL será votado na próxima semana na CAS (Comissão de Assuntos Sociais). Caso seja aprovado, a proposta precisa passar pela CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) e ir ao plenário.

A relatora da proposta, senadora Marta Suplicy (sem partido-SP), deixará o Congresso no fim do ano, mas antes quer aprovar seu parecer. Confira aqui a opinião da Senadora.

Fontes: Poder 360 e Estadão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like

Anvisa adia decisão sobre maconha medicinal

BRASÍLIA — A decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) sobre a regulamentação da produção, plantio e transporte da maconha medicinal por parte de empresas farmacêuticas; e sobre o…
View Post

Após sucesso da maconha legalizada, estado dos EUA pode legalizar cogumelos alucinógenos

A legalização da maconha já é realidade em muitos estados norte-americanos. Sucesso até no mercado financeiro, o consumo legalizado da erva pode abrir espaço para a descriminalização dos cogumelos alucinógenos. Você não leu…
View Post