Na Colômbia, médico prescreve e paciente compra na hora

Total
0
Shares

A regulamentação do mercado da Cannabis medicinal foi um dos temas da abertura do simpósio latino-americano da MJBiz Daily’s, em Bogotá, Colômbia, nesta segunda (30). No palco, Rafael Eduardo Malagón Bernal, químico farmacêutico, representante da Invima (Instituto Nacional de Vigilância de Medicamentos e Alimentos), deu uma boa notícia. O guia com todas as regras do mercado da Cannabis será publicado em duas semanas.

Uma das preocupações dos empresários refere-se ao tempo entre a prescrição e a compra do medicamento. “Não haverá filas, nem demora para o paciente conseguir o medicamento à base de Cannabis”, disse Bernal durante sua palestra.

No Brasil, os pacientes esperam dois meses ou mais para a Anvisa liberar a prescrição do médico para a compra. Na Colômbia, uma vez com a receita nas mãos, o doente comprará o remédio direto na farmácia. Só os estabelecimentos licenciados pela Invima poderão comercializar o produto. “O processo será rápido”, promete Bernal. ” Depois de receber nossa visita, a licença sai em uma semana.” O processo de permissão de compra inicia, segundo Bernal, logo que o guia seja publicado. “Ao mesmo tempo, os laboratórios poderão começar a produzir os medicamentos”, afirmou.

Fonte: Panorama Farmacêutico

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like

Vem aí a ExpoCannabis 2019 em Montevidéu

Para quem nunca foi, vale conferir como funciona a festa Todo final de ano acontece, em Montevidéu, a ExpoCannabis! A feira reúne uma diversa gama de produtos, iniciativas, debates, publicações…
View Post

Brasil está atrás de outros países na liberação da cannabis

Milhões de pessoas ao redor do planeta sofrem com doenças que podem ser tratadas ou aliviadas com o uso do canabidiol, uma das substâncias que compõem a cannabis. Para tratar…
View Post