Projeto de uso medicinal da maconha é aprovado pela CCJ da Assembleia Legislativa de Goiás

Total
0
Shares

A Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ), da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego), aprovou o parecer favorável ao projeto de Lei que institui política estadual de uso de cannabis medicinal para fins terapêuticos. O tema foi reportagem do Jornal Opção no início desta semana, colocando em debate prós e contras da medida.

A matéria em tramitação na Alego é de autoria do deputado Diego Sorgatto (PSDB). O texto prevê, além da liberação para uso medicinal, distribuição gratuita de medicamentos prescritos à base da planta em unidades de saúde pública estaduais e privadas com convênio do Sistema Único de Saúde (SUS).

O propositor da matéria destacou que a ação irá proporcionar melhora a pacientes que têm esse tipo de medicamento receitado, na maior parte dos casos doenças graves e sem curas.

Com a aprovação, a matéria segue para plenário para uma série de duas votações.

Fonte: Jornal Opção

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like

Anvisa adia decisão sobre maconha medicinal

BRASÍLIA — A decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) sobre a regulamentação da produção, plantio e transporte da maconha medicinal por parte de empresas farmacêuticas; e sobre o…
View Post

Cannabis medicinal no Brasil: veja o que muda com as novas regras da Anvisa

A regulamentação de produtos à base de maconha no Brasil foi aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) nesta terça-feira (3). Com a decisão, produtos feitos com cannabis para…
View Post

STJ reafirma que importação de sementes de maconha não é contrabando

A importação de pequena quantidade de sementes de maconha não pode ser considerada contrabando. Com esse entendimento, a 6ª Turma do Superior Tribunal de Justiça negou recurso do Ministério Público…
View Post