Snoop Dogg representa Startup israelense e defende o mercado da cannabis

Total
0
Shares

A empresa de tecnologia de maconha Seedo, localizada na cidade de Yokneam, norte de Israel, fechou oficialmente o acordo com seu novo representante da marca, o rapper americano e grande defensor da maconha, Calvin Cordozar Broadus Jr., mais conhecido como Snoop Dogg.

A companhia afirmou em comunicado que a Snoop Dogg estará trabalhando com a start-up em uma variedade de plataformas para “alcançar a conscientização ideal do consumidor sobre esta tecnologia inovadora”.

A Seedo, fundada em 2013, vende dispositivos para cultivo interno de cannabis totalmente automatizados. A máquina parece um frigobar e permite ao usuário cultivar maconha em um ambiente livre de pesticidas.

Neste comercial divertido, a Seedo explica como sua máquina funciona.

“Promover um estilo de vida mais saudável, fornecendo a meus amigos e comunidades produtos que permitam o crescimento em espaços urbanos não utilizados é algo com o qual eu estou profundamente envolvido”, disse Snoop Dogg no comunicado.

O uso de maconha por Snoop Dogg tem sido uma grande parte de sua carreira musical e imagem pública há anos. Um de seus maiores sucessos inclui “Smoke Weed Everyday”. Ele freqüentemente usa suas contas de mídia social para compartilhar memes e referências de maconha com seus 36 milhões de seguidores.

Zohar Levy, CEO da Seedo, disse que a empresa está “honrada em fazer parceria com um ícone do setor como Snoop Dogg”.

Segundo a empresa, o papel de Snoop Dogg será “educar os consumidores sobre os benefícios ambientais e as oportunidades sociais da tecnologia de cultivo doméstico e comercial da Seedo.”

Fonte: Jpost

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like

Cannabis medicinal no Brasil: veja o que muda com as novas regras da Anvisa

A regulamentação de produtos à base de maconha no Brasil foi aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) nesta terça-feira (3). Com a decisão, produtos feitos com cannabis para…
View Post

Com aval para cultivar cannabis, empresa de SP planeja iniciar produção em dois meses e vender para indústrias têxtil e alimentícia

A empresa de Holambra (SP) que obteve a autorização para cultivar e vender produtos à base de cannabis sem efeitos alucinógenos tem como meta comercializar o insumo de cânhamo com…
View Post