Governo de Israel atrai start-ups de Cannabis com investimentos de até US$ 43 milhões

Total
0
Shares

A Autoridade de Inovação de Israel, um órgão público que pertence ao Ministério da Economia, anunciou a abertura de uma incubadora de start-ups na área de Cannabis medicinal, na qual o país é um dos líderes mundiais.

A incubadora – considerada a primeira iniciativa do mundo com financiamento público neste campo, informa nesta terça-feira o jornal “Haaretz” – se chama CanNegev, terá sede no deserto de Negev, no sul do país, e abrirá suas portas para seis pequenas empresas inovadoras que buscam avançar no campo da maconha para fins medicinais.

Ela será gerida pelo fundo OurCrowd, a empresa farmacêutica Perrigo e a produtora israelense de Cannabis medicinal Bol Pharma.

A Autoridade de Inovação espera que cerca de US$ 43 milhões sejam investidos na operação ao longo dos próximos cinco anos.

Na Bolsa de Valores de Tel Aviv, a capitalização de mercado das empresas desta indústria atingiu milhões de dólares nos últimos anos, inúmeras start-ups estão crescendo, e o setor mostra grande potencial de expansão.

Um ex-primeiro-ministro, Ehud Barak, e um ex-chefe do Mossad, Tamir Pardo, entraram nesta indústria como empresários.

Saul Kaye, CEO da iCAN, afirmou à Agência Efe que “Israel tem o programa de cannabis medicinal mais antigo do mundo, com evidências clínicas de milhares de pacientes e um foco em tecnologia e P&D”.

Fonte: Agência EFE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like