Bancada Evangélica promete travar proposta de cultivo de maconha

Total
0
Shares

A Frente Parlamentar Evangélica está pronta para impedir o avanço do aval ao plantio de Cannabis, planta de onde deriva a maconha. A proposta está sendo analisada por uma comissão especial da Câmara dos Deputados.

Na semana passada, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) vetou o aval para o plantio da erva para fins medicinais. Porém, o tema pode ser debatido pela Câmara, que promete autorizar o cultivo.

Essa comissão foi criada pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para reunir projetos sobre o uso medicinal da planta, com relatoria do deputado Luciano Ducci (PSB-PR).

O deputado Luciano afirma que pretende colocar a proposta de aval ao plantio em seu parecer e já se posiciona de forma favorável, afirmando que deve ser feito um marco regulatório sobre a Cannabis.

Segundo a Folha, o presidente o deputado federal Silas Câmara (Republicanos-AM) já avisou que a frente evangélica não permitirá que o texto passe na comissão, pois é contra o cultivo e a comercialização da maconha.

“Somos contra o cultivo e a comercialização da maconha. Somos a favor do medicamento, e ainda mais a favor agora porque existe a possibilidade de fazer sinteticamente o canabidiol”, disse Silas Câmara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like

Cannabis medicinal no Brasil: veja o que muda com as novas regras da Anvisa

A regulamentação de produtos à base de maconha no Brasil foi aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) nesta terça-feira (3). Com a decisão, produtos feitos com cannabis para…
View Post