União Europeia anuncia início de pesquisa formal sobre cannabis medicinal

Total
0
Shares

A cannabis medicinal ganha a atenção da União Européia de acordo com o crescente interesse de países-membros no assunto. Legisladores do comitê de saúde do bloco econômico europeu aprovaram no fim de 2018 um projeto que se dedica a criar uma resolução para a cannabis medicinal, através do investimento em pesquisas que vão estabelecer as bases para um conjunto harmonizado de leis em todo o bloco.

A partir de 14 de janeiro, oficiais da União Europeia iniciarão um estudo formal dos potenciais benefícios clínicos da cannabis medicinal e de medicamentos derivados, e sobre como eles poderiam ser disponibilizados a pacientes em toda a Europa.

Em dezembro, o Observatório Europeu da Droga e da Toxicodependência (EMCDDA), agência ligada à União Europeia, publicou o seu primeiro relatório sobre a cannabis medicinal, que ofereceu uma base de evidências para o uso de cannabis e canabinoides na medicina moderna, bem como definiu o que são preparações de cannabis e produtos medicinais, e destacou as diferenças entre ambos.

 Com a melhor chance de viabilidade e um mercado com mais de 739 milhões de pessoas, a indústria medicinal da cannabis na Europa (incluindo países que não fazem parte da UE) tem a chance de se tornar a maior do mundo, de acordo com dados do The European Cannabis Report, de 2018. A estimativa potencial para o tamanho do mercado medicinal canábico é de €35.7 bilhões por ano, com base em uma indústria totalmente legalizada na Europa.

Fonte: GanjaTalks

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like